Círculo cromático: como combinar cores na maquiagem

Vocês já ouviram falar em círculo cromático? Seguinte: o círculo cromático é uma representação das cores que nosso olho consegue perceber. Também chamado de disco cromático ou roda das cores, ele é tradicionalmente composto por 12 cores: 3 primárias, 3 secundárias (formadas pela mistura das primárias) e 6 terciárias, criadas pelas misturas das primárias com as secundárias. Basicamente, são várias cores, uma do lado da outra, que servem como ferramenta para orientar a combinação de tons na arte, na moda, na maquiagem, na colorimetria de cabelos, etc.

 

O uso da roda das cores na maquiagem pode ter vários intuitos. Um dos mais conhecidos e utilizados é o da neutralização de tons. Você já deve ter usado um corretivo verde para disfarçar espinhas ou áreas com vermelhidão, ou um corretivo salmão para cobrir olheiras roxas e escuras. Essas cores são cores complementares: ficam de lados opostos do círculo cromático e, ao serem misturadas, resultam em um tom neutro. Quando utilizadas lado a lado, essas cores criam contraste.

São três combinações básicas que você pode fazer utilizando o disco cromático. A primeira é a combinação complementar: é o caso dos corretivos já falado acima. Se você quer destaque, use as cores complementares sem misturá-las. (Obs: clique nos círculos para ver a imagem em tamanho real.)

 

Outra combinação é a combinação análoga. Você escolhe um tom principal, que será o predominante, e combina com a cor à sua esquerda ou à sua direita. Essa é uma boa forma de montar maquiagens (e looks) no estilo monocromático e tom sobre tom.

 

Por último, temos a combinação triádica: combinam-se três cores separadas pela mesma distância na forma de um triângulo no disco cromático. Esse combo cria um maior contraste e pode ser usado em maquiagens “statement”,  com destaque para uma área específica (por exemplo, olhos).

 

Maquiagem, como a arte, não tem regras. A gente pode combinar as cores que a gente quiser, do jeito que a gente se sentir bem. O círculo cromático é apenas uma ferramenta pra quem estiver procurando looks e makes mais harmoniosos! O importante é se divertir.

xoxo

Resenha: Base líquida superfluida Quem Disse, Berenice?

Desde que a NYX lançou uma base super líquida, com aplicador de conta gotas, eu fiquei babando pra testar. Depois teve o lançamento da Vult, d’O Boticário e, mais recente, da Quem Disse, Berenice?. Comprei a última pra saber como funcionava na minha pele.

A primeira coisa que vale a pena comentar dessa base é a embalagem: todos os dez tons têm o frasco igual. Isso dificulta um pouco a identificar a cor certinha pra você. Tirando esse detalhe, curti o vidrinho. É de plástico, bem leve, e a tampa tem um conta-gotas super funcional na hora da aplicação.

Minha cor é a 1. Não cheguei a testar outras na loja, mas como sempre uso a cor mais clara de todas as marcas, nem tinha muito o que pensar. Em bases pra usar à noite, ou em eventos mais phynos, prefiro que o tom seja um pouquinho mais claro. Sinto que minha pele fica com uma aparência mais natural na luz forte se a cor for realmente bem clara. Para usar em situações de cobertura mais leve, que é a proposta da base, a cor 1 deu muito certo.

O nome já diz, né. Ela é superfluida. Na caixinha, a indicação é colocar as gotas na mão e depois aplicar no rosto com um pincel ou esponja. Preferi aplicar direto na pele, como vejo muito o pessoal fazendo nos vídeos. O cheiro é bem gostosinho e bem sutil; acredito que não vai chegar a incomodar quem tem sensibilidade a perfumes. Ela é MUITO fácil de espalhar. Esperava que fosse ficar meio marcada ou riscada do pincel por ser líquida, mas tive zero dificuldades pra deixar com aspecto uniforme. Também me surpreendi como ela secou rápido e não ficou grudenta na minha pele, que é absurdamente oleosa. A vendedora tinha me dito que usava essa base sem o pó, então resolvi testar assim.

Antes de terminar a make, já estava amando o resultado. Minha pele ficou com uma aparência de pele de gente saudável e feliz (risos). A cobertura dela é entre leve e média; mais pro lado leve da força, na verdade. A QDB diz que a base é de cobertura média, mas não acho que é o caso. Tenho umas cicatrizes e acne, e elas continuaram lá. Apenas mais neutralizadas. Usei sem corretivo, pra ver como era a cobertura real da base. Coloquei uma segunda camada de base abaixo dos olhos para cobrir as olheiras e funcionou sem problemas. A sensação na pele é que você não está usando nada. Eu AMEI muito isso. Nenhuma outra base minha se compara a da Quem Disse, Berenice? nesse quesito. É uma base que eu usaria todos os dias muito feliz da vida.

Ela promete uma duração de oito horas, mas isso não rolou na minha pele. Apliquei umas 14h e nas primeiras horas tava tudo bem bom. Depois de umas três horas, percebi que a pele tava com um aspecto ~cansado~, sem elasticidade. Mas a cobertura ainda tava funcionando. Depois de cinco horas, a cobertura já tava zero. Só vi que ainda tinha base porque ela saiu quando eu lavei o rosto. Na hora de lavar, deu pra tirar facilmente, sem precisar esfregar o rosto com força. Não senti a pele sensibilizada ou oleosa pelo uso da base. Vale ressaltar que hoje não fez calor em São Paulo. Acredito que em dias muito quentes, a durabilidade dela deve ser bem mais curta.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A base também promete proteção com FPS 50. Não peguei nenhum sol com ela, então não consigo dizer se realmente protege do sol. Aí a gente tem que acreditar, né? De toda forma, sempre uso protetor solar, mesmo com bases e pós que dizem ter fator de proteção.

No site e nas lojas da Quem Disse, Berenice? todas as bases estão com 20% de desconto. O preço normal da base líquida superfluida é R$69,90. Com a promoção, comprei por R$55,92. A embalagem vem com 30ml. Pra o resultado de pele natural, bem cuidada e saudável, perfeito pro dia a dia, achei um bom custo benefício. A melhor expressão pra essa base é pele de bonita. Aprovadíssima!

xoxo

Cuidados para o rosto: Bepantol X Bepantriz

Já faz um tempo que o mundo das internets descobriu a Bepantol Derma como auxiliar nos cuidados com a pele. Pode ser encontrada como pomada, creme, líquido (solução) e também há uma versão para tratamento de lábios ressecados. O princípio ativo da Bepantol é o dexpantenol, que atua na cicatrização, regeneração, hidratação e proteção da pele.

Usava a Bepantol há anos! Comprei pela primeira vez quando fiz minha primeira tatuagem e me indicaram para ajudar no processo da cicatrização da pele. Achei o resultado muito bom e continue comprando. A Bepantol costuma ser utilizada para aliviar irritações, hidratar lábios ressecados, recuperar a hidratação de áreas sensíveis do rosto – como a pálpebra – depois de usar maquiagem, facilitar a retirada de cutículas na unha e como máscara de tratamento para os cabelos. Pra muita gente, ela funciona milagres. O grande problema da Bepantol é o preço: já cheguei a encontrar a bisnaga do creme por R$60.

Aí entra a pomada Bepantriz. Ela tem exatamente o mesmo princípio ativo da Bepantol. Comecei a usar mês passado e, pra mim, funciona até melhor que a Bepantol em algumas áreas. A consistência da Bepantriz é mais leve, o que facilita muito na hora de aplicar. Também senti que essa leveza impede que a pele fique oleosa demais. É fácil de passar, é fácil de retirar e tem um cheirinho suave e agradável.

Como uso dois produtos bem abrasivos no rosto para tratar a acne, algumas áreas ficam muito ressecadas e com descamação: alterno os produtos com a pomada Bepantriz nessas áreas. De um dia pro outro, já dá pra ver uma diferença legal. A pele fica com um ar mais saudável, sem causar acne ou piora da oleosidade. A pele em volta dos meus olhos também é muito sensível, então eu uso a Bepantriz nas olheiras e bem abaixo dos olhos depois de retirar a maquiagem. Qualquer irritação que tenha aparecido por causa da maquiagem ou do demaquilante melhora sem muito esforço.

 

A Bepantriz custa, em média, R$8,99 (bisnaga com 30g). Já troquei 100% a Bepantol pela Bepantriz!

PS: Depois de escrever esse post, descobri que a Bepantriz Derma tem uma linha completa de produtos de cuidados com a pele! Quero muito testar o shampoo regenerador. Você pode conhecer os produtinhos no site da marca.

ATUALIZAÇÃO: Testei e amei um outro creme que também tem o pantenol na composição! Ele é vegano e não testado em animais. Para ler mais sobre, basta clicar aqui.

xoxo

 

Limpeza de pincéis: receita caseira simples

Nem todo mundo sabe, mas manter os pincéis de maquiagem limpos é extremamente importante para evitar acne e infecções de pele. Produtos de higienização são vendidos por quase todas as marcas de maquiagem: Vult, Quem Disse Berenice?, Macrilan, MAC, Make B, Daillus Pro, Sigma, etc. Já testei vários desses, e a premissa básica de limpeza é a mesma em todos. O que costuma diferenciar é o preço, o cheiro e, em alguns, a forma de aplicação.

Para quem gosta de receitinhas caseiras, achei uma ótima: higienizador de pincéis de maquiagem só com ingredientes que todo mundo tem em casa. Já estou usando essa receita há um tempo e gosto muito.

Você vai precisar de:

1  xícara de água (preferência por água filtrada ou de garrafa)

1/4 de xícara de álcool

1/2 colher de sopa de detergente (em gel)

1/2 colher de sopa de shampoo neutro

1 colher de sopa de creme leave in (líquido ou creme)

Aí é só juntar todos os ingredientes, misturar até dissolver e colocar em um recipiente limpo. A água precisa ser filtrada e o recipiente deve ter sido esterilizado com água fervente, para evitar a proliferação de bactérias.

Umedeça as cerdas do pincel com a mistura e esfregue em um lenço ou toalha até sair toda a sujeira e o resto de maquiagem. Cuidado para molhar apenas as cerdas do pincel: a base molhada pode mofar e acumular microorganismos. Depois, é só colocar para secar em cima de uma toalhinha limpa. Os meus, eu deixo secando de um dia pro outro e dá muito certo. Não muda o formato do pincel nem danifica ou faz cair as cerdas.

Essa receita é especialmente boa para pincéis de sombra, blush e pó. Senti que os pincéis de base deram um pouco mais de trabalho para limpar, já que a base costuma ser mais cremosa e aderente. Nesse caso, prefiro usar os limpadores comerciais que conseguem fazer uma limpeza mais pesada.

 

xoxo