Moda Plus Size: 4 lojas online com roupas incríveis em tamanhos grandes

Não é porque a gente usa tamanhos grandes que a gente merece só vestir uns panos sem graça e sem cor.

Para comprar online, é imprescindível ter suas medidas em mãos. Aí, é só se jogar nos modelitos lindos que as lojas da internet têm a oferecer.

https://cheiadevicios.com/2019/02/04/moda-plus-size-4-lojas-online-com-roupas-incriveis-em-tamanhos-grandes

Eu compro MUITO online: roupas, sapatos, maquiagem, coisas pra casa… Acho bem mais prático pra comparar preços e variedade. Uma outra vantagem: você não tem que aguentar comentário de ninguém sobre seu tamanho ou sobre não ter nada ali que caiba em você.

Obviamente, não é a gente que tem que mudar; é esse pensamento de lixo tóxico que uma galera reproduz. Mas a gente já tem que aguentar tanta coisa todo dia que uma folga dessas tretas faz um bem danado, né?

Então, essa é a listinha das quatro lojas online que eu mais encontro peças boas, bonitas e com preços amigáveis.

Loja Wear Ever

Essa loja é uma das minhas preferidas da vida. TODAS as roupas estão disponíveis dos tamanhos PP ao 4G. A produção dela é mais manual, mais independente, com fornecedores 100% brasileiros e sem utilizar nada de origem animal. Por conta disso, o prazo de entrega da Wear Ever é um pouco mais longo e os preços não são os mesmos que você encontra em lojas de departamento/fast fashion. Mas, ao meu ver, vale muito a pena. Todo mundo aqui em casa já comprou roupa de lá.

Posthaus

O Posthaus, na verdade, é um portal gigante com itens de diversas marcas. Vende moda feminina, masculina, moda praia, infantil e, claro, moda plus size. Algumas das peças você encontra até a numeração 60. É um site facílimo de mexer; você filtra suas buscas sem complicação (o que é necessário porque lá vende muita coisa). Por lá, você encontra roupas de tudo quanto é preço. De todas que vou falar aqui, é a mais barata. A maioria das peças lá não é tão descolada/diferentona quanto a Wear Ever, mas dando aquela garimpada, é possível achar uma infinidade de opções pro dia a dia, pra trabalhar, pra sair, pro frio, etc.

Bonprix

Essa é a minha descoberta mais recente. Logo antes da minha viagem pra Arraial do Cabo/Cabo Frio fiz umas comprinhas de verão. Comprei dois shorts soltinhos básicos, um conjunto de calça pantacourt e cropped com babados e um maiô muito do lindo. Essa marca é uma das que vende na Posthaus, mas vale a pena conferir o site próprio dela; de vez em quando, tem umas promoções especiais de frete grátis ou código de desconto. A variedade de estilos, tamanhos e preços é muito boa.

Ashua Curve & Plus Size

A Ashua é uma marca derivada da Renner. Começou com pequenas coleções para as mulheres plus size e agora já tem até loja física própria. O preço não é dos mais caros, mas também não é dos mais baratos. Minha dica é sempre começar pelas promoções (últimas oportunidades). De todas, acho que é a que tem um estilo mais “chiquetosa”/”mulher de negócios poderosa”. Lá também tem muita coisa jeans de qualidade e com preço excelente.

Mesclei fotos dos meus lookinhos com fotos de divulgação das lojas pra vocês verem melhor a variedade de estilos.

Curtiram as dicas? Dúvidas, sugestões, pedidos ou reclamações, podem deixar um comentário aqui em baixo ou me chamar lá no instagram (@thaischeiadevicios).

xoxo

COLETOR MENSTRUAL X CALCINHA ABSORVENTE – Qual o melhor?

Conheça as alternativas ao absorvente tradicional

Porque o período menstrual não precisa ser só desconforto!

https://cheiadevicios.com/2018/12/04/coletor-menstrual-x-calcinha-absorvente-qual-o-melhor

Quem me acompanha no Instagram (@thaischeiadevicios) pode já ter visto  meus vários postzinhos sobre minha experiência com a calcinha absorvente da Pantys e o coletor menstrual da Violeta Cup.

O COLETOR MENSTRUAL

Comprei meu copinho da Violeta Cup numa visita à Loretta Farma, na Liberdade (São Paulo). Paguei uns R$45 no kit com o coletor + caneca específica para higienização. A marca tem dois tipos diferentes: o tipo A (para mulheres com mais de 30 ou com filhos) e o tipo B (menos de 30 anos ou sem filhos). A maiorias dos copinhos são divididos assim, já que há uma mudança no colo uterino entre esses grupos de mulheres. Peguei o tipo B.

A CALCINHA ABSORVENTE

Aproveitei uma promoção de novembro e adquiri duas calcinhas absorventes da Pantys. Comprei as duas no tamanho GG; uma no modelo hot pant e uma modelo biquíni. As hot pants estão disponíveis do tamanho PP ao XXGG (o site tem um guia de tamanho) e são indicadas para fluxo intenso. O modelo biquíni funciona com o fluxo moderado e está à venda dos tamanhos PP ao GG. Ambas podem ser adquiridas nas cores preto, nude ou vermelho.

coletor menstrual calcinha absorvente
Modelo Hot Pant da Pantys – R$95

MINHA EXPERIÊNCIA

Começando pelo coletor menstrual: realmente, ele exige adaptação! Peguei várias dicas com amigas e seguidoras que já usam o copinho, pesquisei vários artigos na internet e, mesmo assim, cheguei no meu terceiro ciclo seguido sem saber colocar perfeitamente o coletor.

O Violeta Cup é feito de um silicone super macio, facílimo de limpar e lavar. Considero esses pontos muito positivos porque o que a gente quer no meio do caos da menstruação é praticidade e conforto MESMO. O tamanho também parece ter dado certo pra mim. Meu fluxo é intenso e eu sempre sinto muita cólica e mal estar. Não achei que o coletor melhorou ou piorou as cólicas, mas reparei que, no absorvente tradicional, a gente acha que tem muito mais sangue do que tem de verdade. Estando bem encaixado, por 90% do tempo você até esquece que ele tá por lá.

Mas aí que eu tenho dificuldade: no encaixe. Uma dica que melhorou muito minha experiência foi a de cortar a ponta da haste (ela serve pra você conseguir tirar o copinho sem grandes dramas). Minha mania de trocar o absorvente toda vez que vou ao banheiro me atrapalhou, pois nos primeiros dias eu tirava, limpava e recolocava o coletor. Nisso de tira e bota, a lubrificação natural vai indo embora.

Ainda não tive confiança de sair na rua só com ele; só tive um acidente de vazamento (e um de criar vácuo e dar trabalho na hora de tirar), mas morro de medo de precisar mudar a posição dele em algum banheiro do mundo.

Pretendo muito continuar tentando até me adaptar. Além de não produzir lixo, o material de silicone diminui o aparecimento de alergias. Sem contar que você não sente cheiro nenhum! Mas ó, o copinho exige muita paciência, calma e disposição para se tocar e conhecer seu próprio corpo.

Alterno o uso da calcinha absorvente com o coletor. Diferente do coletor, a calcinha me deu confiança desde o primeiro momento. Os dois modelos que eu comprei ficaram absurdamente confortáveis em mim e seguraram completamente meu fluxo (inclusive na desgraça do segundo dia).

Fiquei umas 10 horas seguidas com o modelo hot pant e não tive nenhum acidente. Não fica cheiro nenhum, não dá a impressão de vazamento, não fica sensação de umidade. Só depois de algumas horas, quando o tecido absorvente da calcinha começa a ficar cheio, que a gente começa a sentir umidade. Isso me deu um leve incômodo, mas já era algo esperado.

Um ponto negativo importante de ressaltar é que as pantys demoram MUITO pra secar. As primeiras vezes, lavei no banheiro (na mão) e coloquei pra secar ao natural, como indicado pela marca. Foi mais de um dia pra secar completamente. Isso complica muito se você pretende depender só das calcinhas. Você teria que ter uma coleção delas pra usar, lavar e trocar sem ficar na mão.

E as pantys não são baratas. O modelo hot pant custa R$95 e o modelo biquíni custa R$85. Confesso que, se eu tivesse dinheiro sobrando, eu comprava umas dez calcinhas pantyas e desistia do coletor.

A calcinha não exige encaixe e adaptação, mas o preço não ajuda a ter muitas, né. Por isso, prefiro continuar insistindo no copinho.

Quer saber mais? Ficou com dúvida? Me chama lá no Instagram que tem vários posts sobre esse tema!

xoxo