Resenha: Sérum Encanto da Sereia Ruby Rose

Eu sou muito da opinião que maquiagem é maquiagem e tratamento é tratamento. Não costumo tentar usar como “tratamento” produtos de marcas de make; maaaas, como só o que tá rolando são esses sérums e óleos de cuidados com a pele (acredito eu que influenciados pelo sucesso da Farsáli), resolvi me render e testar alguns. O primeiro que eu comprei e testei foi o Sérum Encanto da Sereia da Ruby Rose.

A descrição no site da RR é a seguinte:

O Sérum Facial Hidratante da Ruby Rose foi produzido especialmente para peles que precisam de um cuidado diferenciado, juntamente com sua fórmula alto hidratante o Sérum se adapta muito bem a todos os tipos de pele, além de reduzir a aspereza e o ressecamento ele pode ser utilizado diariamente. O resultado é uma pele saudável, hidratada e radiante. Possui ação hidratante, emoliente, restauradora, remineralizante e condicionadora. Shiitake – Rico em proteínas reestruturantes que melhoram a resistência da pele. Ginseng – Cicatrizante, dermopurificante, emoliente tendo efeito bioativador, tonificando, hidratando e regenerando os tecidos da pele. Ginkgo Biloba – Ação profilática do envelhecimento celular e tratamento estético pela ação protetora contra radicais livres e pela inibição da destruição do colágeno. Aveia – Possui ação emoliente, nutritiva, hidratante, remineralizante, suavizante e amaciante. Germe de Trigo – tem ação emoliente, hidratante, nutritivo e amaciante, antirradicais livres, calmante, condicionador, dermoprotetor, tonificante e regenerador da pele.

Benefícios do Sérum Facial Hidratante:

  • Promove uma pele hidratada e livre de ressecamentos
  • Testado dermatologicamente
  • Textura cremosa
  • Reestabelece os níveis de água da pele ao longo do dia
  • Aplicador prático e delicado
  • Fácil absorção
  • Livre de óleo mineral, parabenos e corantes.
  • Desenvolvido para todos os tipos de pele

Referência: HB311

Peso: 30ML

Promete alta hidratação e restauração para todos os tipos de pele; é livre de óleo mineral, parabenos e corantes. Vem com esse aplicador conta-gotas que é a maior modinha entre as blogueirinhas do Instagram. Achei que era um negócio super líquido pela embalagem, mas tava enganada. Eu, pessoalmente, odiei esse frasquinho. O produto tem uma fórmula mais densa, grossa, então não “pinga” facilmente pelo conta-gotas.

Composição:

Aqua, Cyclopentasiloxane, Dimethiconol, Butylene Glycol, Caprylic, Triglcyceride, Dimethicone, Sodium, Polyacrylate, PEG/PPG-18/18, Dimethicone, Trideceth-6, Phenoxyethanol, Caprylyl, Glycol, DMDM Hydantoin, Parfum, Dimethicone Crosspolymer, Cyclomethicone, Hyaluronic Acid, Disodium, EDTA, Benzotriazolyl Docecyl P-Cresol, Octadecyl, Di-T-Butyl-4-Hydroxyhydricinnamate, Propylene Gylcol, Cicbarium Intybus Leaf Extract, Rose Extract, Sphingolipids, Tocopherol, Glycine Soja Oil, Gylicol Distearate, PEG-75 Lanolin, Glycyrrhiza Glabra, Rhizome/Root Extract, Bertholletia Excelsa, Seed Oil, Hydrolyzed Rhodophycea Extract, Methylisothiazolinone, Tocopheryl, Acetate, Saccharum Officinarum Extract, Panax, Quinquefolium Root Extract, Avena, Sativa Kernel Extract, Bambusa, Vulgaris Extract, Corthellus Shitake Extract, Ginkgo, Biloba Leaf Extract, Triticum, Vulgare  Germ Extract, Panthenol, Iodopropynyl Butylcarbamate, Biotin, Menthol, Alpha Isomethyl Ionone, Amyl, Cinnamal, Benzyl Benzoate, Benzyl Salicylate, Butylphenyl Methylpropinal, Citronello, Hexyl Cynnamal, Hydroxycitronellal, Hydroxyisohexyl-3- Cyclohexene Carboxaldehyde.

Não acho que o poder hidratante seja alto assim, pra tratar ressecamentos e etc. Mas sim, deixa a pele macia. Tenho usado todos os dias e não senti nenhuma alergia, piora da acne ou irritação (existe uma fobia enorme com os produtos de pele da Ruby Rose; muita gente relata casos graves de acne depois de usar a base, os corretivos e até o primer da marca). Custa R$17,68 no próprio site da @rubyrose_oficial. Por causa da embalagem, não sei se compraria novamente. Tô imaginando como vai ser péssimo pra usar quando o sérum estiver no finzinho.

Vou deixar aqui também o link da resenha da Marina, do Coisas de Diva. Como eu, ela está usando o sérum como um primer, não como tratamento da pele!

Durante o mês de julho, tem texto novo TODO DIA! Vamos aprofundar em cosméticos cruelty free, veganos e marcas que não testam em animais.

Segue lá no Instagram também (@blogcheiadevicios) pra não perder nada!

xoxo

Anúncios

Resenha: Primer Facial Studio Perfect Ruby Rose

Desde que uma dermatologista me falou sobre os danos de aplicar a maquiagem direto no rosto, não consigo passar nem uma base ou corretivo sem primeiro preparar a pele com hidratante/primer. Por usar primer todos os dias, acabo conseguindo testar uma variedade grande deles. Hoje, vou falar aqui do primer facial Studio Perfect da Ruby Rose.

A descrição desse produto no site da RR é a seguinte:

“Com o Primer Facial 8086 da Ruby Rose, você terá uma maquiagem perfeita por mais tempo!  O Primer Facial tem um aspecto em gel que suaviza a pele e cobre todos os poros deixando a pele macia e aveludada!”

A embalagem é básica, mas cumpre o propósito de manter o produto preservado. As inscrições nela dizem: “Photo-loving primer. Definição perfeita. Suaviza as imperfeições 100%.”

 

Esse é um primer com textura bem siliconada. Em mim, ele não secou 100%. Senti que deu uma LEVE maciez pra pele, sem de fato disfarçar totalmente os poros. Testei de dia, de noite, em dias mais quentes e em dias mais frios. Não notei mudança nessas diferentes situações. Pra quem é alérgica ou se incomoda com cheiros fortes: ele não tem fragrância nenhuma.

Testei, primeiramente, com as bases fluídas da Quem Disse, Berenice? e da Vult. O resultado com elas foi bem satisfatório! Deu uma uniformizada no tom da pele, ajudou a base a ficar no lugar por um pouco mais de tempo e não craquelou. Pro dia a dia, esse é o resultado básico que eu espero de um primer. O que eu não curti muito: ele não rende tanto quanto vários outros primers que eu já testei. Preciso sempre pegar um pouco mais de produto do que estou acostumada pra conseguir cobrir o rosto todo.

Quando testei com bases mais secas, como a base da própria Ruby Rose e a de alta cobertura da Tracta, o negócio desandou total. Na hora de espalhar a base, mesmo eu indo com toda delicadeza do mundo, o primer começava a esfarelar e sair. A mesma coisa aconteceu quando eu o utilizei como primer para olhos; a sombra esfarelou totalmente. Fiz umas fotos na mão pra mostrar:

 

Na imagem abaixo, no lado esquerdo estou sem primer e no direito com; quase não há diferença.

 

O rendimento e o efeito dele foram bem abaixo do que eu esperava. Não fez mal a minha pele e se deu bem com os produtos que eu uso diariamente, então continuarei usando até acabar. No site da marca, o primer facial Studio Perfect custa R$16,90 (embalagem com 25ml). É um preço amigável, mas não acho um bom investimento. Apesar de não conhecer outros primers bons com esse mesmo preço, acredito que vale mais a pena juntar mais um pouquinho de dinheiro e adquirir um produto mais eficiente.

Por hoje é só!

xoxo